AGM tornará sua linha de picapes pesadas totalmente elétrica antes do prazo previsto. No ano passado, a marca norte-americana disse que queria que todos os seus veículos leves fossem zero-emissões até 2035, mas seus veículos pesados não seriam exclusivamente elétricos até 2040, quando a montadora espera se tornar uma empresa neutra em carbono.

No entanto, a CEO da GM, Mary Barra, disse durante seu discurso de abertura da CES 2022 que as picapes Chevrolet Silverado e GMC Sierra se tornariam totalmente elétricas até 2035, juntamente com o resto da linha de veículos leves da GM.

"Como anunciado anteriormente, nosso plano é que todos os novos veículos leves sejam elétricos até 2035. Hoje, tenho o prazer de anunciar que apresentaremos veículos pesados totalmente elétricos nessa mesma data. Essas caminhonetes pesadas totalmente elétricas serão projetadas para entregar transporte e reboque sem esforço."

GMC Sierra 2500 HD Negali

Barra acrescentou que as picapes também oferecerão "um alcance necessário para fazer os trabalhos mais difíceis". No entanto, não ficou claro se toda a linha de picapes para o serviço pesado será lançada até 2035 ou se cada caminhonete terá pelo menos uma versão 100% elétrica. 

A GM atualmente produz suas picapes pesadas na fábrica da Flint Assembly em Michigan, mas um porta-voz da empresa observou que é muito cedo para confirmar que as versões elétricas também serão feitas lá. "Não podemos especular sobre futuras fábricas de produtos não anunciados", disse o porta-voz da GM Stuart Fowle à Detroit Free Press.

Ele acrescentou que a GM é capaz de acelerar a eletrificação de picapes pesadas devido à confiança em sua plataforma de baterias Ultium. A tecnologia de propulsão desenvolvida pela própria GM sustentará mais de 30 novos veículos elétricos que a montadora prometeu lançar até 2025.

O investimento anunciado de US$ 35 bilhões em veículos elétricos e autônomos até 2025 é outro fator importante que permite à GM oferecer veículos elétricos pesados mais cedo do que o esperado.

Até agora, a GM confirmou que cinco fábricas na América do Norte construirão veículos totalmente elétricos: Spring Hill (TN), Factory Zero (MI), Orion Assembly (MI), CAMI (Ingersoll, Ontário, Canadá) e Ramos Arizpe (Coahuila, México).