Muita gente que quer ter um carro elétrico se preocupa com o problema de como recarregá-lo quando a bateria estiver baixa e estiver longe de casa. Só que esta dificuldade vai um pouco além, pois não basta ter uma estação de recarga de fácil acesso, tem que ter também o conector certo para o veículo. Não existe um consenso de qual plugue usar e isso levou a criação de oito tipos diferentes.

Este é um problema que não será resolvido com facilidade, pois há uma disputa de qual é o sistema mais eficiente. As fabricantes europeias apoiam o padrão IEC 6296 Tipo 2 da SAE (que evoluiu para o CCS Tipo 2 de carga rápida), as japonesas adotaram o CHAdeMO, as marcas americanas usam o SAE J1772 Tipo 1 e CCS Tipo 1, e o governo chinês estabeleceu o GB/T como o conector do país. Até a Tesla criou seu próprio plugue, o Tesla Charging. Em alguns casos, é possível contornar este problema com adaptadores ou cabos com padrões diferentes em cada lado.

No Brasil, os carros elétricos vendidos até agora usam cinco tipos de conectores: SAE Tipo 1, Tipo 2 AC, CCS Tipo 2, CHAdeMO e GB/T. Esta variedade já causa alguns problemas, pois as estações de recarga instaladas em algumas estradas e locais específicos, como os pontos na Rodovia Presidente Dutra, oferecem apenas as tomadas Tipo 2 AC, CCS Tipo 2 e CHAdeMO. Já os postos em alguns shoppings e supermercados são limitadas ao plugue Tipo 2 AC.

Veja quais são os tipos de conectores e quais são usados pelos carros vendidos no Brasil:

SAE J1772 Tipo 1

SAE J1772 Tipo 1

O padrão norte-americano, usado pelos primeiros veículos como o Chevrolet Volt. É o primeiro conector, também chamado de SAE J1772. Tanto que é o que tem a segunda menor capacidade, entregando somente 19,2 kW de potência, com uma tensão monofásica de 120V ou 240V (perde apenas para o GB/T AC). Alguns postos de recarga mais antigos no Brasil utilizam esta tomada.

ConectorSAE J1772
Corrente80A
Voltagem120V - 240V monofásico
Potência0,96 kW - 19,2 kW

SAE IEC 62196 Tipo 2

IEC 62196 Tipo 2

Este é o mais comum, por ter virado o padrão na Europa para os híbridos plug-in e os elétricos mais antigos. Chamado IEC 62196 Tipo 2, ele foi feito para sistemas monofásicos e trifásicos, entre 250V e 400V. Entrega até 50 kW de potência por corrente alternada. Por isso, sua velocidade de recarga é bem menor e é ideal para uso residencial ou várias cargas ao longo do dia, como em paradas nos shoppings e mercados. Todos os carros híbridos plug-in no Brasil são compatíveis com este tipo de conector e o único elétrico que só pode usar esta tomada é o Renault Zoe.

ConectorIEC 62196 Mennekes Tipo 2
Corrente63A monofásico a trifásico
Voltagem250V/400V monofásico a trifásico
Potência43 kW (potência máxima)

GB/T

GB/T AC
GB/T DC

O padrão chinês, o que significa que veremos somente nos carros importados de lá, como o Caoa Chery Arrizo 5 e JAC iEV40. Existem duas versões: a primeira é de corrente alternada de 32A e voltagem entre 220V e 440V, fornecendo até 14,08 kW; a segunda é de corrente contínua, chegando a 187,5 kW de potência e voltagem entre 400V e 750V. A tomada de corrente alternada até parece ser igual ao Tipo 2, mas tem uma diferença crucial: o Tipo 2 usa plugues fêmea no cabo e macho no veículo, enquanto o GB/T é o contrário.

ConectorGB/T 20234.2-2011 ACGB/T 20234.3-2011 DC
Corrente32A250A
Voltagem220V - 440V AC400V - 750V DC
Potência3,52 kW - 14,08 kW50 kW - 187,5 kW

CCS Tipo 1

CCS Combo Tipo 1

A tomada de Tipo 1 AC foi adotada pelos primeiros híbridos e elétricos nos Estados Unidos, evoluindo para a versão CCS Combo Tipo 1. Nada mais é do que o conector do Tipo 1, mas com dois contatos extras de corrente contínua na parte de baixo. Isso faz com que tenha retrocompatibilidade com as estações de recarga que oferecem recarga em corrente alternada, em alguns casos usando um adaptador. A versão CCS aumenta a potência para 125 kW entre 200V e 600V. No Brasil, apenas um carro utiliza esta tomada: o Chevrolet Bolt. Nenhum local oferece este plugue.

ConectorSAE J1772 CCS Tipo 1
Corrente200A
Voltagem200V - 600V DC
Potência125 kW (potência máxima)

CCS Tipo 2

CCS Combo Tipo 2

Assim como o Tipo 1 evoluiu para o CCS Combo Tipo 1, o conector Tipo 2 ganhou duas entradas para corrente contínua e foi batizado como CCS Combo Tipo 2. O princípio é o mesmo, sendo compatível com as tomadas Tipo 2. É o conector mais moderno, aguentando uma voltagem de até 850V e transmitindo uma potência máxima de 170 kW. Como é o padrão mais usado na Europa, todos os híbridos plug-in e elétricos vindos de lá utilizam este tipo de conector.

ConectorEU DC CCS Combo 2 IEC 62196-3 Tipo 2
Corrente200A
Voltagem200V - 850V DC
Potência13 kW - 170 kW

CHAdeMO

CHAdeMO Yazaki

Este é o padrão japonês e que, no Brasil, encontramos somente no Nissan Leaf. Ele nasceu em 2010 e foi proposto pelas cinco grandes japonesas (Honda, Nissan, Mitsubishi, Subaru e Toyota) para que fosse o padrão mundial. Não aconteceu e ficou restrito ao Japão. Tem uma potência máxima de 60 kW e 500V. Embora esteja disponível em muitos postos de recarga mais robustos pelo Brasil (que usam também as tomadas CCS Tipo 2 e Tipo 2), alguns carros japoneses também contam com uma segunda tomada de outro padrão – como é o caso do Leaf, que tem um segundo plugue do Tipo 1 no Brasil.

ConectorCHAdeMO Yazaki
Corrente100A - 200A
Voltagem500V DC
Potência60 kW (potência máxima)

Tesla Charging

Tesla Charging

Como diz o nome, é o conector exclusivo da Tesla, desenvolvido pela própria fabricante para o Supercharger. Ele foi criado para trabalhar tanto com corrente alternada quanto contínua. As estações residenciais com corrente alternada fornecem até 19,26 kW, entre 110V e 240V. Já os Superchargers usam corrente contínua e uma potência de até 250 kW (as primeiras versões tinham um limite de 135 kW). A marca oferece adaptadores para Tipo 1 e CHAdeMO, além de entregar os carros no resto do mundo com conectores CCS Tipo 2.

ConectorTesla
Corrente12A/80A monofásico a trifásico / 250A DC
Voltagem110V/240V AC / 500V DC
Potência1,32 kW - 19,26 kW AC /250 kW DC

Imagens:ev-institute.com